Varejo e e-commerce são líderes em engajamento no Facebook e no Instagram

Varejo e e-commerce são líderes em engajamento no Facebook e no Instagram

Ainda que a pandemia do coronavírus ainda pareça longe de acabar, com a situação um pouco mais controlada e a diminuição no número de novos casos em alguns países, ocorreu a suspensão do lockdown em cidades pelo mundo e também regras mais brandas quanto ao isolamento, permitindo que as pessoas saíssem de casa para algumas atividades. Com isso, ocorreram alterações também no engajamento das indústrias nas redes sociais se levarmos em consideração seus setores. É o que aponta o estudo mais recente da Socialbakers, plataforma líder global em soluções para a otimização de performance corporativa em redes sociais, recentemente comprada pela Astute, plataforma líder de engajamento do cliente.

O levantamento revela o setor de Varejo como líder em engajamento no Facebook, com 19,6% do total de interações da rede. Diferentemente do que ocorreu no ano anterior, quando o e-commerce ocupava a primeira posição, deixando o ramo de varejo com a vice-liderança. No Instagram, as coisas mudam um pouco já que o primeiro lugar ficou com o e-commerce, que contou com 23,4% das ações dos usuários. O setor havia ficado na segunda posição em 2019, quando a liderança da rede social em engajamento era do segmento de moda.

Já o setor de serviços alimentícios, que aparecia na quarta posição no ranking do Facebook no levantamento anterior, agora não está mais em destaque no top 5 da rede social, dando lugar para a indústria de beleza, que não aparecia no último estudo e agora conta com 8,5% das interações no Facebook.

De acordo com Alexandra Avelar, country manager da Socialbakers, as redes sociais devem ter destaque na comunicação com os consumidores. “Este ano, devemos perceber oscilações ascendentes em uma série de áreas, incluindo comércio social, investimento em publicidade e o uso de micro influenciadores. Além disso, com tantos consumidores continuando a recorrer aos canais digitais, as redes sociais se tornarão cada vez mais um componente crucial da experiência do cliente”, comenta.

Abaixo estão os setores que se destacaram em cada uma das redes sociais:

Facebook

1. Varejo – 19,6% das interações
2. e-commerce – 16,2% das interações
3. Beleza – 8,5% das interações
4. Serviços – 8,4% das interações
5. Moda – 6,6% das interações

Instagram

1. e-commerce – 24,5% das interações
2. Moda – 22,5% das interações
3. Varejo – 14% das interações
4. Beleza – 11,6% das interações
5. Serviços – 7,6% das interações

Metodologia do relatório
Os Social Media Trends Reports refletem o banco de dados da Socialbakers no início do trimestre seguinte ao trimestre do relatório. Os dados são extraídos uma vez e não são atualizados entre as liberações.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.