Guia de filmes e séries on demand, Mixme chega ao mercado com mais de 600 mil títulos

Guia de filmes e séries on demand, Mixme chega ao mercado com mais de 600 mil títulos

 Mixme, o mais completo guia de filmes e séries on demand, chega ao mercado de conteúdo AVOD e VOD do Brasil com mais de 600 mil títulos na plataforma e com a expectativa de fechar o ano com 2 milhões de usuários. Com acesso gratuito, a Mixme conecta o usuário, de forma direta e rápida, ao conteúdo escolhido nos principais serviços de streaming disponíveis legalmente, seja ele assinante ou não. Além de agregar informações sobre novos conteúdos de todos os OTTs, a Mixme oferece, ainda, sinopses, fotos e detalhes sobre o título escolhido. A busca pode ser feita também por categoria, gênero, ator, diretor ou o que mais esteja a fim de assistir. A previsão é que o aplicativo da plataforma esteja disponível ainda neste primeiro semestre.

Mixme é um produto da agência de inovação e tecnologia Hooko, empresa americana com sede em Miami. O desenvolvimento do projeto levou a uma parceria com outra empresa multinacional dos Estados Unidos, a BKS – nascida no Brasil há 62 anos, que atua junto aos principais estúdios de cinema e hoje possui uma grande penetração no mercado audiovisual, com operações espalhadas pelo mundo -, uma agregadora oficial de conteúdos e plataformas VOD da Hooko . O movimento proporcionou amplitude junto às plataformas globais na Mixme. Após a formação de uma joint venture entre a Hooko e a empresa Use Mais Brasil, que possui um clube de serviços e inúmeras operações pelos estados brasileiros, adicionou-se um potencial de 22,8 milhões de pessoas pertencentes aos outros vários negócios em território nacional.

“A Mixme é um hub de plataformas que funciona como um controle remoto que permite a busca de um conteúdo de forma fácil e ágil. Trabalhamos com uma base ligada a uma tecnologia de ponta e atualizada diariamente. São mais de 30 pessoas envolvidas no projeto, entre desenvolvedores, designs e especialistas em cinema”, conta Nelson Assis, CEO e Head of Product da Mixme.

O estudo “A Mídia & Eu”, integrante da edição 2020 do Dimension (pesquisa da Kantar realizada com 8 mil consumidores residentes na Argentina, Brasil, China, França, Alemanha, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos antes da Covid-19), apontou oportunidades e necessidades no mercado de conteúdo sob demanda. Em entrevista para o portal Meio & Mensagem, Adriana Favaro, diretora comercial da Kantar Ibope Media, afirmou, “não há um limite apenas na questão da renda, mas também no tempo do consumidor. As pessoas não conseguem acessar a imensa quantidade de conteúdo que esses players ofertam.”

“Com o aumento das opções de escolhas e da competição, as empresas precisam pensar mais em como melhorar a experiência de consumo de vídeo e como usar os dados dos consumidores para entregar um conteúdo melhor e, também, criar ofertas de publicidade melhores”, completou.

Modelo triplo de negócio
A Mixme é um modelo triplo de negócio no mercado: por um lado, os anunciantes, cuja publicidade em um novo modelo de AVOD envolve a escolha do usuário, já que ele decide se quer ou não assistir o anúncio; de outro, o usuário, que tem a monetização de determinados conteúdos que quer assistir, o que lhes permitirá rentabilizar e trocar por recompensas; e terceiro, o mercado de VOD, que será potencializado ao receber novas assinaturas, geradas a partir desse fluxo na Mixme. “Para as plataformas de Stream (VODs), a Mixme é uma oportunidade única de engajar novos assinantes, mostrar o potencial de sua programação para usuários que ainda não a conhecem em detalhes, e até de mostrar sinergia com demais plataformas de Stream que podem trabalhar de forma coordenada no futuro. A Mixme é claramente um gerador de negócios para as plataformas de Stream no mercado”, afirma Jake Neto, responsável por agregar as plataformas na Mixme.

“Além da experiência de busca, a Mixme traz uma jornada original de entretenimento em vídeo pela monetização do usuário ao assistir à publicidade. O usuário assiste aos anúncios quando quiser e ainda recebe por isso. Onde tem cifrão, tem monetização. Isso é audience choice, ou seja, escolher assistir publicidade em troca de recompensas, que podem ser pontos ou dinheiro”, completou Assis.

Conheça e misture-se em http://tomix.me .


• Crie uma lista personalizada mesclando todas as plataformas;
• 600 mil títulos de filmes e séries disponíveis legalmente nas plataformas de streaming que já assina ou quer assinar;
• Trailer e informações básicas, como elenco, ficha técnica, duração e ano de lançamento;
• Avaliações de sites especializados, como Rotten Tomatoes e IMDb;
• Sugestão de títulos relacionados;
• Busca por termos e palavras, plataforma, gênero, tema, país de origem, ator/atriz e diretor;
• Busca de filmes e séries por meio de listas de sugestão.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.