Black Friday: Brasileiro busca mais por “esquenta” e Black Week

O fim de semana que antecede a chegada do mês de dezembro, quando acontece a Black Friday, data em que muitas pessoas aproveitam para fazer suas compras de Natal, é uma data comercial muito importante para o mercado nacional. Os consumidores estão atrás de promoções para economizar, e pensando nisso a SEMrush, líder global em marketing digital, fez um levantamento para entender o cenário de interesse, e constatou que a procura por esquenta Black Friday aumentou 146%, e Black Week aumentou 94% comparando 2019 a esse ano. E o número total de buscas por Black Friday chegou a 1,2 milhão em outubro de 2020.

De acordo com Fernando Angulo, Head of Communications da SEMrush, com a consolidação da data no Brasil, os consumidores já estão mais acostumados a buscar oportunidades não apenas na sexta-feira. “Os dados são importantes pois apontam um comportamento interessante do consumidor, mostrando que estão ainda mais atentos às promoções que antecedem a data. Para as marcas, é importante aproveitar não apenas o interesse, mas também o tráfego gerado por esses consumidores, para já oferecer promoções atrativas em busca de conversão”, aponta o especialista.

Seguindo com a busca de produtos relacionados à data, PS4 contou com 3,6 mil buscas mensais em outubro, junto com TV (1,9 mil) e Smart TV (mil). O leitor de livros digitais Kindle também figurou entre os mais pesquisados, com mil buscas do termo somado à Black Friday no último mês. Consoles como Xbox e Nintendo Switch, com mil e 880 buscas no mês, respectivamente, também foram bem procurados.

E por fim, analisando somente esse último mês de outubro, a busca pelo videogame do momento, o novo PlayStation 5 disparou, pois uniu a procura do lançamento com o interesse por descontos na Black Friday, e isso fez com que as buscas somassem 1,5 milhão em valores absolutos. Os consumidores também buscaram pelo modelo anterior, o PlayStation 4, que também obteve 1,5 milhão (busca apenas pelo nome do console, sem relação direta com Black Friday).

Veja a lista dos grupo de itens mais procurados:

1) Celular Black Friday: 5,4 mil
2) TV Black Friday: 1,9 mil
3) Smart TV Black Friday: mil
4) Smartphone Black Friday: 880
5) PC Black Friday: 170
6) Video Games Black Friday: 140
7) Laptop Black Friday: 140
8) Books Black Friday: 140
9) Câmera Black Friday: 50
10) Headphones Black Friday: 30
*dados de pesquisa em outubro de 2020

Já se levarmos em consideração o custo por clique da procura dos usuários, o ranking de busca é encabeçado pelos de descontos oferecidos pela plataforma Whitebook, que somam o total de $13,54. Seguido pelo cpc da Nespresso que chega a $11,41 e a QConcursos, que somam um total de $9,62. O ranking ainda é composto pelos anúncios da Livelo com a taxa de cpc de $8,22 e a Black Friday da Ford, que soma $4,15.

Seguindo o ranqueamento montado pela análise da SEMrush, a taxa de custo por clique da Gran Cursos fica em torno de $3,26, seguida pela Oi com $2,96; o Burger King com $2,75 e a Black Friday do Sem Parar, com $2,57. Para fechar a lista desse custo, figuram as taxas de cpc das promoções oferecidas pela Salinas Maragogi, com taxa de $2,43; a da Volkswagen com $2,81.

Black Friday e as marcas


Depois de entender o perfil dos produtos que os consumidores nacionais estão procurando, o levantamento da SEMrush também pode precisar quais são as marcas mais procuradas nesse momento. O período levado em consideração nessa análise foi apenas o mês de outubro de 2020 e quem ocupa o primeiro lugar é Casas Bahia, com o valor absoluto de 6,6 mil buscas, seguida pela Amazon, que soma o montante de 4,4 mil e a Samsung com 3,6 mil. Em quarto lugar, a Magazine Luiza com 2,9 mil, seguida pela Apple e Ponto Frio com 1,9 mil. O top 10 ainda é composto por Americanas, Kabum e Steam com 1,6 mil e, por fim, a Nike com 1,3 mil.

E a avaliação das marcas ainda mostrou o crescimento da visitas feitas aos sites de compra de cada marca. Confira abaixo:

1) amazon.com.br: 168.52%
2) americanas.com.br: 63.12%
3) apple.com: 31.75%
4) casasbahia.com.br: 129.89%
5) kabum.com.br: 179.22%
6) magazineluiza.com.br: 155.18%
7) mercadolivre.com.br: 40.77%
8) nike.com.br 149.31%
9) samsung.com: 38.97%
10) steampowered.com: 28.63%

*crescimento do tráfego comparando outubro de 2020 a outubro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *