Busca no Blog

Categorias

Arquivo

Nuvem de Tags

ACSP aplicativos apps Associação Comercial de São Paulo automóveis Black Friday Brasil carga tributária carreira comércio eletrônico consumo crm curitiba e-commerce Edson Campagnolo Facebook FIEP Fiesp Gartner gestão IDC impostômetro indústria inovação Intel internet Linkedin livro mercado de trabalho mobile mídias sociais Paraná Paulo Skaf redes sociais RH sebrae smartphones software startups tablets tecnologia tecnologia da informação turismo Valor Agregado vendas

Fiesp: Indústria de transformação do Brasil pode perder 290 mil postos de trabalho com o fim da desoneração

Postado as 11:15 do dia 09/06/15

O fechamento das vagas equivale a 3,7% do total de empregos do setor, revela pesquisa da Fiesp
Os dados são do estudo “Mudanças na desoneração da folha de pagamentos: impactos no emprego da indústria de transformação”, do Departamento de Competitividade e Tecnologia da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Decomtec-Fiesp).

No total, 54% das indústrias de transformação que participam da desoneração da folha irão demitir se essa política for retirada ou se houver elevação da atual alíquota de 1% para 2,5% do faturamento, conforme a proposta do governo. O estudo ainda apontou que a demissão de 290 mil trabalhadores industriais afetará a arrecadação de tributos sobre a renda e consumo e elevará as despesas do governo com seguro-desemprego. Além disso, 57 mil demissões adicionais devem ocorrer na economia, devido à redução de consumo das famílias dos desempregados pela indústria.

“O fim da desoneração vai deteriorar ainda mais a competitividade e a economia brasileira. Teremos um impacto nas demissões que deve chegar a R$ 2,6 bilhões ao ano na arrecadação tributária líquida da União. Além disso, o efeito líquido da redução da renúncia fiscal com a desoneração da folha será menor do que o esperado pelo governo”, afirma o diretor-titular do Decomtec, José Ricardo Roriz Coelho.
“A indústria não vai aceitar mudanças na lei de desoneração. Já estamos pagando um preço muito alto. E todas estas demissões só agravarão o quadro de crise pelo qual estamos passando”, conclui.

Related posts:

  1. FIEP: mudança na desoneração da folha de pagamentos é inoportuna e inadequada
  2. Skaf prevê queda de 5% da indústria em 2015
  3. Desoneração da folha de pagamentos poderá ser opcional
  4. “Quem liga as máquinas também sabe desligá-las”, diz Skaf
  5. Desoneração na folha de pagamento permitirá criação de empregos e maior competitividade interna, afirma especialista

Comente! / Carreira, Empresas, Entidades Empresariais, Finanças, Gestão

Os comentários estão fechados.

Enquete

O QUE VOCÊ PROCURA NO VALOR AGREGADO ?

View Results

Loading ... Loading ...

Twitter


Notice: Undefined variable: twits in /var/www/html/gilbertocampos.com.br/web/wp-content/themes/valor-agregado/functions.php on line 34

Vídeos

veja mais

Todos os direitos reservados


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/html/gilbertocampos.com.br/web/wp-content/plugins/addthis-welcome/views/page_include.php on line 14

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/html/gilbertocampos.com.br/web/wp-content/plugins/addthis-welcome/views/page_include.php on line 16

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/html/gilbertocampos.com.br/web/wp-content/plugins/addthis-welcome/views/page_include.php on line 18

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/html/gilbertocampos.com.br/web/wp-content/plugins/addthis-welcome/views/page_include.php on line 20